Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Felicidade

Hoje percebi que ainda sonho.
Sonho acordada!
Pois dormindo, os sonhos se esvaem,
ou simplesmente não saem,
do obtuso mundo dos sonhos.
De olhos, coração e mente abertos,
de cara limpa, te procuro...
para te tornar real.
Começo pelo que me é familiar.
Busco-te nos engarrafamentos,
no meio dos carros, na via pública,
entre os transeuntes,
na multidão de pedestres...
Nas padarias e lanchonetes,
restaurantes e cinemas,
teatros e shopping-centers,
nos cafés...
Procuro-te nos sons da natureza,
nos cantos dos pássaros, na chuva,
na brisa a beira mar...
Na música clássica, no rock,
no pop e na mpb.
na internet, nos livros,
nas revistas, nos gibis...
Descubro-me “bicho do mato”,
na selva da cidade.
Ilha urbana! Mosca branca!
Sorte grande ou grande azar?
Onde estás?
Chega de brincar de esconde-esconde!
A procura não cessa...
Só falta achar-te em mim.
Fernanda Maria
Enviado por Fernanda Maria em 13/11/2006
Reeditado em 22/11/2006
Código do texto: T289741
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Fernanda Maria
São Paulo - São Paulo - Brasil, 54 anos
92 textos (6748 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 00:47)
Fernanda Maria