Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

 

                                                                      
                                                               
              A UM HERÓI                                        


                 
MOTE
Tiradentes, grande herói,
a corda que te matou
até hoje muito dói
na Pátria que te ultrajou.
                       (A.C.M.M.)




                 GLOSA
Tiradentes,grande herói,
Nossa Pátria não te esquece;
tua morte sempre dói
quando o remorso aparece.


No cadafalso nós vimos
a corda que te matou
e bem tristes nos sentimos
pelo nó que te enforcou
.


E esta dor que nos destrói,
sempre a trazer sofrimento,
até hoje muito dói,
por este gesto sangrento.


Mas só agora nós vemos
tudo o que te machucou
e a injustiça percebemos
na Pátria que te ultrajou.
                      (A.C.M.M.)


                                                                       (Glosa)

Alda Corrêa Mendes Moreira
Enviado por Alda Corrêa Mendes Moreira em 14/11/2006
Reeditado em 08/12/2008
Código do texto: T291162
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Alda Corrêa Mendes Moreira
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil
213 textos (13198 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 10:52)
Alda Corrêa Mendes Moreira