Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Metáfora Poética!!!

Nas minhas veias não corre sangue
Somente versos,rimas e prosas
Meu corpo pulsa, vibra, entoa
Declama poesia
Num frenesí bem convexo
Feito de cores,sons e cheiros
Que chegam a me causar letargia
Rico dueto de emoções
Disfarçando uma falsa alegria
Onde a palavra corre,escorre
Solta como se fosse
Uma luz qualquer
A clarear meu submundo
agonia infinita de um texto sem nexo
orador de sua própria concepção
com frases decoradas
Pecado capital exposto
Em face da incredulidade literária
Num parágrafo verdadeiro
Sem ponto final
Exclamação retilínea
Da concordância sobreposta
Onde meus poros transpiram
Estrofes cadenciadas
Transformando meu ser
Em reticências de breves sonetos
Na busca da perfeição inexistente
que reside em mim

Amado Portti
Enviado por Amado Portti em 16/11/2006
Código do texto: T292640
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Arcanjo Miguel). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Amado Portti
Porciúncula - Rio de Janeiro - Brasil, 45 anos
698 textos (46598 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 06:35)
Amado Portti