Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Enquanto a cidade dorme

faço um pacto com o silêncio
enquanto a cidade sonha
com dias melhores,
com um melhor amante qua a seduza.

Mergulho nos seus sonhos
como um menino cheio de esperança:
descubro na calma os traços
tatuados de uma personalidade

confusa, multiplicando sabores
e dissabores: os dias e as noites
mergulhados em fúria e ócio,
frenesi e repouso.

Despindo-me da agonia
sou envolvido pela afonia
da noite que me arranca
a ilusão, quando a cidade dorme.  
André de Siqueira
Enviado por André de Siqueira em 18/11/2006
Reeditado em 08/12/2006
Código do texto: T295050

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Rodrigues de Siqueira). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
André de Siqueira
Recife - Pernambuco - Brasil, 51 anos
33 textos (1228 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 14:35)
André de Siqueira