Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Os silêncios sinfônicos

Há tempos
Em que ouço músicas
Há tempos em que ouço o silêncio
Noutros
Ouço as estrelas
E noutros ainda
Os gritos da minha alma...

Às vezes os silêncios
São sinfônicos
As músicas silenciosas
E minha alma desenha
Num céu inexistente
Estrelas muito mais potentes...

Às vezes eu me perco
A procurar nessa realidade
As músicas que não ouvir

E penso que por um tempo
Fui mudo, outro fui surdo,
E apenas o outro mundo
Eu senti...

Agora despreparada
Minha alma
Onde sempre é madrugada
Perdida por esse mundo,
Vive presa, silenciada...
Mas lhe ouço os gritos
Pois pela dor é atravessada...

Há tempos
Em que ouço músicas
Há tempos em que ouço o silêncio...
Sebastião Alves da Silva
Enviado por Sebastião Alves da Silva em 18/11/2006
Reeditado em 19/11/2006
Código do texto: T295125
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Sebastião Alves da Silva
Imperatriz - Maranhão - Brasil
687 textos (27270 leituras)
2 áudios (87 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 18:48)
Sebastião Alves da Silva