Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

INTRANSIGÊNCIA

Não seja assim
intransigente a ponto de proibir
minhas mãos sujas de tinta
contra o céu.

Meu verso não consegue perturbar,
o que gosto apenas a mim pertence,
não é preciso interferência nesse processo.

Seria melhor que não houvesse
inflexibilidade. Mas não espero mais que isso.
Outro poema me espera bem ali.
Enzo Carlo Barrocco
Enviado por Enzo Carlo Barrocco em 20/11/2006
Código do texto: T296531
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Enzo Carlo Barrocco
Belém - Pará - Brasil, 56 anos
733 textos (134433 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 02:14)
Enzo Carlo Barrocco