Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SIMPLES, UM AMOR MORREU

Sabe a dor?
Quando queima os olhos
E o ardor escorre pela face.
Salgado, amargo.

E não venha me dizer
Que não sabe por que parto,
O porquê deixa-me
Ser levado sem direção.

Sabe a solidão?
Os pêlos arrepiados,
O vento cortando a pele.
Nua, desprotegida.

Simples,
Um amor morreu.
mário cardoso
Enviado por mário cardoso em 22/11/2006
Código do texto: T298206

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para o site http://recantodasletras.uol.com.br/autores/abelha). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
mário cardoso
Campo Grande - Mato Grosso do Sul - Brasil, 31 anos
370 textos (14927 leituras)
3 áudios (241 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 12:09)
mário cardoso