Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

M A R

Verde mar... verde... bravio...
que eu contemplo embevecida
do desvão desta janela;
que de prata se reveste
quando a lua, esquiva e bela,
se espraia, cansada, na areia,
nas águas serenas se despe.

Mar azul dos namorados,
dos guerreiros destemidos.
Mar de amores, trovadores,
dos pescadores humildes...
de Camões que o desbravou
na Epopéia lusitana
que cantou atos e fatos
muito além da "Taprobana".

Mar que banha a praia mansa
na madrugada parada.
Mar que muda, se renova,
que vem, que vai e que rola
numa harmonia de cores
- aquarela preciosa.

Mar que guarda mil segredos,
mar que adentro, um pouco, a medo.
Mar de castelos... de sonhos...

Para ti é que eu componho,
e te ofereço, o meu verso.
HLuna
Enviado por HLuna em 23/11/2006
Reeditado em 23/11/2006
Código do texto: T299011
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (http://recantodasletras.uol.com.br/autores/helenaluna). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
HLuna
Fortaleza - Ceará - Brasil
9346 textos (235734 leituras)
15 e-livros (905 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 09:20)
HLuna