Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Levád


Como posso partir e deixar o teu sorriso
Nessa estrada poeirenta
Sem o brilho verde dos meus serenos
Como hei de sair sem levar teu corpo
O cheiro manso do teu hálito de maçã
 
Se nas próxima esquina sei
Que vou querer voltar depressa
Para abraçar teu peito
E sussurrar cânticos e idílios
Somente entre quatro paredes
 
Como posso me ausentar da tua vida
Se tua pele é tatuagem na minha
Se teus poros tem intimidade nos meus
Teus olhos são centelhas a me guiar
Se só vivo pelo teu pulsar
 
Não eu não posso e não quero
Deixar o teu sorriso sincero
O teu aroma de pecado atrevido
Não isso eu não quero
 
Quando sumir nessa estrada
Será se levada pelas tuas mãos
Para uma única morada
Onde nossos desejos  farão
Entre si eterna comunhão
E nossos corpos em outra dimensão
Sejam simbolos fulgentes
Do amor dos inocentes
 
Deixa amor que eu me aquiete
Cabeça pendida sobre teus ombros
Como se nada mais ao redor houvesse
Me tira desses escombros
Toma os fios da minha vida e os tece
 
Sei amor, que não posso e não devo
Partir para longe dos teus olhares
Sem ti eu não me atrevo
Conhecer outras ilhas e mares
Resgata minha confiança
Onde um dia depositaste tua esperança
Angélica Teresa Almstadter
Enviado por Angélica Teresa Almstadter em 01/07/2005
Código do texto: T30006

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Angélica Teresa Almstadter
Campinas - São Paulo - Brasil, 62 anos
1054 textos (55643 leituras)
25 áudios (3274 audições)
1 e-livros (247 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 05:00)
Angélica Teresa Almstadter