Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

RETALHOS DO INCONSCIENTE


Um simples gesto,
um pequeno esforço,
como um piscar de olhos
e a caneta desliza pelo papel;
preenchendo o espaço branco
entre linhas, descreve fatos,
transcreve o tempo,
no fim da linha o ponto.

Pergunta, responde, cala-se;
emudece no fim da página.
Uma lágrima,
um simples gesto
e a tinta se espalha,
transforma, recria;
no papel ganha vida...
Inocência perdida.

E mancha na alma,
no corpo, no pano, no rosto;
suave pranto.
A lágrima cai sobre o papel tingido,
Falta pouco, pequeno detalhe...
Espaços não preenchidos,
na mente somente o lapso;
momento esquecido, tido em partes...
Sem sentido.

E o que é isto?
Falta-me juízo!
Só mais um gesto...Perdido.

01:15h (made in Insônia)
 
Sandro Colibri
Enviado por Sandro Colibri em 24/11/2006
Código do texto: T300465
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Sandro Colibri
São Paulo - São Paulo - Brasil, 45 anos
523 textos (52450 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 00:25)
Sandro Colibri