Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Relicário

um terço de primeira comunhão
primeira e última comunhão

uma presilha viúva
íris de tule despedaçada

um Jesús lacônico, desbotado
segurando o próprio coração

onze medalhas de natação
ainda cheirando a cloro

uma bonequinha de porcelana
a boca pintada de carmim

protagonista aposentada de
grandes batalhas intergaláticas

de nenhuma cena doméstica
que eu eu me lembre

dois diários fracassados
confissões mentirosas

de quem escreve imaginando
quem as lê anos depois

retalhos de outrora
e no fundo do baú:

eu menina, doce-feroz
com presilhas de tule

medalhas no peito
cabeça cheirando a cloro

travando batalhas na areia
bem-mijada do parquinho

com bonecas de porcelana
generais de aventais

eu que hoje
mal me reconheço.
Lavínia Saad
Enviado por Lavínia Saad em 26/11/2006
Reeditado em 26/11/2006
Código do texto: T301550

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Lavínia Saad
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 41 anos
98 textos (2875 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 22:34)
Lavínia Saad