Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Enquanto eu dormia...



Chegaste bem de mansinho
e roubaste um pedacinho do meu sono.

Esgueirando por entre o meu ritmado respirar,
deitaste, lentamente, teu sonho ao meu lado.
Sem ruídos,
sem tocar-me,
sem encostar teu rosto ao meu,
entraste na minha mente feito pensamentos
e, te encerrando entre minhas pálpebras,
escondeste teu olhar no descanso da imaginação,
e vieste ser miragem, mesmo que só de passagem...

Quando os primeiros sinais em raios de sol,
criaram o meu amanhecer,
ficaste junto à claridade do dia,
e, em despedida das tuas madrugadas,
espantaste a noite até o entardecer... (IDA)
Ida Satte Alam Senna
Enviado por Ida Satte Alam Senna em 26/11/2006
Código do texto: T302046
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Ida Satte Alam Senna
Santa Vitória do Palmar - Rio Grande do Sul - Brasil, 70 anos
111 textos (2724 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 16:25)
Ida Satte Alam Senna