Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

TROPEÇO

                                            Tropeço

Nem sempre a gente.
Consegue ser valente.
Mesmo cuidando tudo.
Alguma coisa vai quebrar.

Tinha uma pedra
No meio do caminho
Tropecei na porra da pedra.
Levei um tombo danado.

Levantei.
Tinha só um esfolado.
Bom foi.
Não ter ninguém por perto.
Pra se rir de mim.
E fim.

J. Alves.


 
JAlves
Enviado por JAlves em 27/11/2006
Código do texto: T302538

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (J. Alves http://www.recantodasletras.com.br/autores/jalves). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
JAlves
São Paulo - São Paulo - Brasil
102 textos (11523 leituras)
16 áudios (2198 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 04:20)
JAlves