Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

JANELA DO TEMPO

JANELA DO TEMPO

OLHANDO PARA TRÁS, VEJO,
PEGADAS NA AREIA MOLHADA
PARECE QUE MEU CORPO PESADO
VAI SE ARRASTANDO CANSADO


OLHANDO PARA TRÁS, VEJO,
TRAÇOS DA VIDA JÁ VIVIDA
BUSCANDO NA SOLIDÃO CONTIDA
DOS OLHOS AS LÁGRIMAS VERTIDAS

OLHANDO PARA TRÁS, VEJO,
NAS MARCAS NA AREIA MOLHADA
MOMENTOS E MOMENTOS VIVIDOS
NA JANELA DO TEMPO  REPRODUZIDOS

OLHANDO PARA TRÁS, VEJO,
DO TEMPO AS MARCAS
DO AMOR QUE AINDA É DESEJO
CARINHO E MUITOS BEIJOS.

JARBAS M. POVOA
MARQS
Enviado por MARQS em 27/11/2006
Código do texto: T303320
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
MARQS
São José do Rio Preto - São Paulo - Brasil
198 textos (2477 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 16:51)