Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sol matinal

Eu preciso desse sol matinal
Onde está esse sol matinal?
Ricos e pobres estão em busca desse sol
Mas ninguém sabe onde ele dorme
Partiu para onde? Ninguém sabe
O jeito é procurar até encontrar.

Meus amigos dizem que eu sou demais
Sou um cara que sonha até em entrar vivo no céu
Faz mal não Eu quero é o sol matinal

Até aos quinze anos vivi na escuridão
Não fui assassino, canalha nem ladrão:
Bicho da maldade, homem sem coração.

Modesto e na vida mal-sucedido
Tarefas dos seres angustiados e aflitos
Deuses de cabeças erguidas
Tenham piedade de nós, tenham piedade...

Tenham piedade dos meninos de rua
Dos velhos abandonados
Tenhais pena de todos Jesus amado
Pai de todas as criaturas.

Tenhais piedade do amor preste à morte
Tenhais piedade das vidas alheias
Tenhais piedade Jesus, até dum grão de areia.

R J Cardoso
Enviado por R J Cardoso em 28/11/2006
Reeditado em 28/11/2006
Código do texto: T303908
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
R J Cardoso
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
3128 textos (79570 leituras)
2 e-livros (393 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 12:37)
R J Cardoso