Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Enigmas

Há caminhos cifrados
Onde os pés se deixam vendar
Talvez se entreguem as perguntas
Adiando o próximo passo, o júbilo
Ou protegendo-se das lágrimas
Há uma premeditada contenção
Vestida pelas rendas da cautela
Respiram gestos de incertezas
No retorcido e fadigado silêncio
Quanto tempo, há de se esperar
Pelo que tanto se deseja?
Quanto ainda demorará
Para que os lábios unam letras
E vençam o medo da palavra?
Quantas luas adormecerão
Até que os olhos despertem
Sem recear as cores que desconhecem?
Sou mesmo esse abismo de mim
Sempre repleta do que não sei transbordar!

 

 

Fernanda Guimarães


Viste "De Amores e Saudades - Fernanda Guimarães":
www.fernandaguimaraes.com.br
Fernanda Guimarães
Enviado por Fernanda Guimarães em 31/01/2005
Reeditado em 25/08/2008
Código do texto: T3049
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Fernanda Guimarães
Fortaleza - Ceará - Brasil
430 textos (64374 leituras)
9 áudios (1782 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 14:33)
Fernanda Guimarães