Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Anciã do tempo

Tempo
Maldito tempo
Que controla o vento
Tempo
Por que o tempo
Se para o momento
Não existe o tempo
Tempo
No seu instante
Doloroso tempo
Que me traz a morte
E sobrevive ao tempo
Tempo
A favor do tempo
Que chegam os tormentos
Destrói as verdades
Escondidas no tempo
Tempo
Maldito tempo
Que me rouba a vida
Em um suspiro
Vazio no tempo
Tempo
Maldição da mente
Que me torna senil
Indisposição sinistra
Do condenado ao tempo
Tempo
Sabor do tempo
Por que no tempo
Não há mais tempo
A favor do tempo
Tempo
Só as rugas do tempo
Que em um lamento
Perdeu-se no tempo...
E eu cortesã do tempo
Reluto com o interminável tempo...
Ah! Infindável tempo...

Mara Pupin
Enviado por Mara Pupin em 29/11/2006
Reeditado em 11/10/2007
Código do texto: T305008

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Mara Pupin
Goiânia - Goiás - Brasil, 49 anos
289 textos (28494 leituras)
3 e-livros (228 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 09:45)
Mara Pupin