Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CONVIVIDOS

vividos,
juntos,
os corações não pararam de bater
nem por um segundo...
nem por um momento!...

teu peito participa do meu peito
até por telepatia;
aí, há uma taquicardia,
uma sublime inquietude do vento
soprano apressando os batimentos...

Saíste apressada pelo dia
enquanto o sol dormia,
expuseste a felicidade de teu rosto ao mundo,
- cínico de tudo, jamais cego –
que ainda confunde o brilho da beleza bem talhada
da amada que ontem dormiu entre minhas coxas,
com a mulher batizada pela ducha dos desejos:
abençoados sejam os beijos de boca ao sexo
de inesquecíveis gostos próprios!

vividos,
juntos,
o tempo pára por achar que é cedo
a eternidade do instante
tão nosso, em alguns momentos!...

Teus olhos fundos participam aos meus olhos rasos,
sem a sombra da velada hipocrisia,
acordados dormimos do mesmo lado, sem medos.
Trocamos a posição até do sexo das cômodas,
em cada canto nosso, nenhum segredo:
no meu, um cartão-postal datado, amarelado, anos setenta;
no teu, um bilhete, rabiscado,declarando um amor improvisado.

Acostumei-me ao teu peito,
ao aconchego dos teus olhos poucos em busca dos meus,
sereno,
tanto ao riso quanto ao choro
paciente pelo atraso da pizza pedida por telefone,
que alimentará a vida vã sem mais a pressa aos divãs;

imóveis,
tanto no calor quanto no frio
sobressaltamo-nos às línguas sanguessugas
que ardem prazerosas como se saboreassem sorvetes.

A televisão, muda, enfeita a sala,
o relógio-múmia, presente, parou no pulso:
estamos juntos e nos bastamos
amados
para a eternidade
enquanto nossos corpos fogem da rotina dos noticiários.

Conquisto-te dia-a-dia,
até do outro lado do mundo,
- cínico de tudo, jamais cego! -
com a mesma cara-metade
com o mesmo rosto
feliz, por sentir-me acordado entre as tuas coxas:
abençoados sejam os beijos de boca ao sexo
de inesquecíveis gostos próprios!
Djalma Filho
Enviado por Djalma Filho em 03/07/2005
Código do texto: T30532
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Djalma Filho http://www.recantodasletras.com.br/autor.php?id=686). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Djalma Filho
Salvador - Bahia - Brasil
658 textos (19517 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 13:50)
Djalma Filho