Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ESTE VAZIO...ESTE NADA..




Este vazio, este Nada que se me cola,
como se fosse humidade
e  todo o meu ser invade...
Esta dor me tocando como quem esmola,
mesmo sabendo que não se evade...

Esta existência feita de negação,
desperta e em mim consolida
pensamentos de rejeição...
São instintos castrados,
sentimentos atordoados,
que me deixam de mim esquecida!
Mas oiço das pedras o grito,
esse som tão rouco e aflito
dos que sempre são pisados!
E fico confinada a um labirinto
de ausências, onde me calo e minto
sobre quereres e vontades,
sobre experiências e verdades...
Misturo pingos de dor
com gotas de beijo.
Rodeio-me de orquídeas
p’ra esquecer as perfídias
e num gesto de alquimista,
como quem tudo conquista,
crio um lindo sonho de Amor
feito de paixão e de desejo!

Talvez este vazio, este Nada,
de mim se descole
e esta dor que me engole...
Fuja de mim...decepcionada!...







 



HELENA BANDEIRA
Enviado por HELENA BANDEIRA em 01/12/2006
Código do texto: T307062
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
HELENA BANDEIRA
Portugal
397 textos (11705 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/10/17 08:16)
HELENA BANDEIRA