Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sê, em cada rosto...

Sê, em cada rosto
O texto posto
Afoito, leve e frágil
Arroio em penumbras
Falas e brilhos, gasto
Ávidas e tênues, as faces
Neste intenso mar vasto
Em que o verso é ágil
Líricas que estimam
Olhares que brilham
Sabores do mes de agosto
Do cruel, inato, oposto
Cálidas são as lembranças
Para contar tantas estórias
Na história de todas as poesias.

E da poesia tirei o verso para cantar o bom da vida!

Peixão89
Peixão
Enviado por Peixão em 04/07/2005
Código do texto: T31135
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Peixão
Santo André - São Paulo - Brasil, 57 anos
3231 textos (120252 leituras)
1 e-livros (241 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 00:20)
Peixão