Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

LONGAS HORAS

LONGAS HORAS


De longas horas
se faz a espera
Que mata o desespero...

De longa espera
Se fazem as horas
Do desespero que mata

De longo desespero
Se faz a espera
Que mata as horas

Mata desespero...
Mata as horas da espera
E desespera
Que eu espero
Nunca te ver
A horas mortas
ressoa
Enviado por ressoa em 13/07/2005
Código do texto: T33700
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
ressoa
Portugal, 67 anos
72 textos (1879 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 10:40)
ressoa