Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Quem aqui passa na minha terra quase silenciosa

Quem aqui passa na minha terra quase silenciosa
É muita gente, mas gente sem prosa
Passam e não dizem nada
Ficam chocados com o silêncio
Não ouvem máquinas, carros, buzinas, sirenes, campainhas, apitos
E ficam pasmados com a imensidão da floresta calma e bela
Em tons de verde numa aguarela, bela
Pintada numa tela, em uma noite singela
Sem ela , a cidade é claro
O mundo é tão claro
Como um lago
Ele é paz e serenidade
E os que passam na minha terra quase silenciosa
Com a magia da liberdade
Transforman-se em passáros que voam até ao mar
Onde o sonho ultrapassa o mito
Zezeca Pinpin
Enviado por Zezeca Pinpin em 13/07/2005
Reeditado em 13/07/2005
Código do texto: T33761
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Zezeca Pinpin
Portugal, 38 anos
29 textos (1607 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 08:37)