Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SOMOS POVO**

Se somos alegres é porque bebemos carnavais
e frevos e maracatus e sambas e axés.

Se somos tristes é porque amanhecemos chuvosos
quartas-feiras de cinza e procissões e aflições

Se somos negros é porque tragamos áfricas
e dançamos mágoas e gritos, senzalas e açoites

Se somos índios é porque abraçamos liberdade
e caímos na mata e viramos onças e bichos

Se somos brasileiros é porque nos enfiaram povos
degredados, aventureiros e naus desesperadas

Se somos cidadãos é porque nos impuseram estrada
nos expulsaram sertão e plantaram cercas e secaram as águas

Se ainda não somos povo é porque não conquistamos escola
comida, terra, liberdade, igualdade, prosperidade, união
Célio Pires de Araujo
Enviado por Célio Pires de Araujo em 15/07/2005
Reeditado em 21/10/2006
Código do texto: T34602

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (autoria de Célio Pires de Araujo). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Célio Pires de Araujo
São Paulo - São Paulo - Brasil
1075 textos (32931 leituras)
2 e-livros (236 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 18:04)