Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

E VOLTAR À PUREZA DOS VERSOS

E voltar à pureza dos versos
Na ausência de carne
Onde arde mais a alma
Aturar torturas e tormentas
Alimentar-se de éter e
Deter as ondas condenadas
Dos nadas buscando espaços
Voltar a viver intensamente
Sentir a seiva da vida ávida
Transformando pensamentos
Para um pouco de alento
Lento no momento que traz
Um pouco de paz pro ser
Ou não-ser do elemento
Que se desfaz em mil abraços
Nos elos azuis e rubros
Do perfil esguio e amado
Da fêmea que em ti é tua
Inteira como a poesia imortal
No silencioso grito da Criação.

Jean Pierre Barakat
Enviado por Jean Pierre Barakat em 05/02/2005
Reeditado em 22/01/2013
Código do texto: T3483
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jean Pierre Barakat
Fortaleza - Ceará - Brasil, 53 anos
111 textos (4955 leituras)
1 e-livros (96 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 27/09/16 14:13)
Jean Pierre Barakat