Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ah! Se eu pudesse...

Voltava no tempo
Naquele tempo que tinha tempo para mim
No tempo do meu Eu em espécie
Em pura essência...
No tempo da minha inocência
Sem nada a temer e que o mundo
Era meu e eu podia modifica-lo
Melhorar o que estivesse perto de mim
Nessa capacidade de Deus... um deus pequeno
Mas, poderoso, porque centelha de Luz
Me fez e eu detinha o Poder
O Poder de ser eu, auto-suficiente,
Eficiente, capaz de tudo e qualquer coisa
Sem que ninguém pudesse me dizer:
“Isso não dá para fazer”... porque para mim
sempre era possível, mesmo que impossível para todos.
Se eu pudesse, voltava no tempo
Não para arrumar tudo o que fiz de “errado”
Mas, para que pudesse fazer diferente...
Com mais experiência, sabedoria e humildade
Se eu pudesse recuperar o tempo que não tive
Ou que desperdicei em babaquices, em puras tolices
Futilidade e inutilidades... voltava correndo...
Se eu pudesse não teria juntado tantas porcarias,
Quinquilharias, e objetos sem o mínimo teor...
Lindos... sim, um dia os achei bonitos, não que não sejam.
Na verdade são mas, não fazem a menor falta na minha vida...
Poderia hoje viver com uma só mala de roupas,
Um agasalho porque adoro o frio mas, não gosto de sentir arrepios...
Poderia viver num lugar pequeno, com pouquíssimos móveis,
Ou até sem eles... numa cama de tatame, no chão.
Mas, gostaria de ter minhas essências, algumas velas perfumadas,
Um delicioso incenso e o sino dos ventos para me avisar da presença do meu anjo... ou de um amigo querido.
Um teclado e um monitor... que a todo vapor
Me colocaria a digitar, a história da vida...
Não da minha vida, que foi e é difícil mas,
De meus personagens, que podem estar em qualquer lugar
E em meu divagar em gênesis transformar o ato da criação...
E dar vida a cada um... para que sobrevivam e tenham suas próprias vidas, assumam suas atitudes com seus livres-arbítrios... filhos diletos
De quem, em pequena escala...  acha possível por um momento,
Mesmo que ínfimo, Ser Deus...

Rosy Beltrão
16/06/03 - 14:25 h
Rosy Beltrão
Enviado por Rosy Beltrão em 30/11/2004
Código do texto: T350
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Rosy Beltrão
Estados Unidos, 62 anos
155 textos (31368 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 13:58)
Rosy Beltrão