Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Poema 0003 - Sim ou não... te amo!



Talvez não te procure, nunca mais,
não quero teu corpo alegre,
tua beleza, a pele lisa,
a boca... ah... a boca, como a amo.

Não mais tocarei teu corpo debaixo d'agua,
não serei o ansioso na cama,
nem ao menos quero ver a luz dos teus olhos,
quando me lembro de ti, me vejo e minha paixão.

Não sei por que sonho com teus cabelos,
as mãos, os gestos ao longo de braços estirados,
por um tempo embriagado, não ouvia minha voz,
fiquei sem reservas, não te quero e te amo...
 
Vou afastar tua imagem da minha mente,
ainda que me visites em meus delírios,
não te tocarei, te querer como antes... jamais!
Deixarei meu coração sombrio, triste, te amando...

Ouça meus soluços romperem as madrugadas vazias,
não mereço a beleza da minha paixão,
nem ao menos tenho voz para me despedir,
te amo, teu corpo, tua alma, amo, amo...

06/10/2004
Caio Lucas
Enviado por Caio Lucas em 07/02/2005
Código do texto: T3684
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Caio Lucas
São Paulo - São Paulo - Brasil, 68 anos
4429 textos (116066 leituras)
1 e-livros (166 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 29/09/16 13:56)
Caio Lucas