Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ROSAS MATUTINAS

ROSAS MATUTINAS
 J.B.Xavier

Quero seguir
Os contornos lascivos dos teus lábios
E ouvi-los docemente
Murmurar coisas de amor...
Quero senti-los
No gosto doce da paixão,
E reduzir a cinzas teu interior...

Quero buscar em teu hálito perfumado
As essências que ti recendem,
Os fogos que se acendem
E que pouco a pouco
Devastam também  tua alma...
Quero cheirar teus cabelos
E tê-los
Por sobre mim,
E te abraçar assim,
Em desespero,
Na ânsia de te reter
Até o fim,
Até que a eternidade se esgote...
Quero pousar meus lábios nos teus ombros
E reduzir a escombros
Tua vontade de resistir...
Quero tua permanência,
Quero o aroma de tua pele
E descobrir
O que há por trás dessa inocência...
Quero descer pelo teu dorso arrepiado
Beijando tuas curvas sinuosas...
Quero a volúpia dos teus seios eriçados
Viçosos como rosas
Ao orvalho da manhã...
E quero vê-los devolvendo meus carinhos,
Senti-los em meus lábios
Rijos como espinhos
Protegendo sua flor...
E beijarei teu colo
E expulsarei teus medos...
No fundo de tua alma
Buscarei teus segredos...

Com beijos de fogo
Te explorarei inteira
Em busca de tua essência...
Quero te ouvir clamar por mais amor
E me chamar a ti
Me absorvendo inteiro...
Quero sentir o calor
De teus recônditos  mais profundos,
Nos mais remotos recantos
De nossos mundos,
E despertar as fadas sensuais
Que dormem em ti...
Quero te sentir lentamente derreter...
E ao me sentires
Quero encontrar no arco-íris
Dos teus olhos
A chama que te incendiou inteira...
Quero minha pele em tua pele,
Meu suor no teu suor
Na batalha frenética do amor...
Quero te ver recontorcer-se
Como serpente ferida,
Tentando  reter a vida
Que se esvai de nós
Num vórtice enlouquecido de energia...
E serei para ti
Parte dessa magia,
Nesse breve instante
De gozo alucinante,
De perda de consciência...
Quero sentir contigo a demência
Que aos poucos descerá sobre nós...
Assim quero te ver,
Relaxando lentamente,
Sorrindo alegremente
Ao som de um hino celestial
Regido pelo ritmo ondulante
De nosso amor...

Quero te sentir derretida,
Suada,
Esvaída,
Saciada...
E feliz...!
Então quero beijar teus sorrisos
E permanecer no paraíso
Do teu corpo...
Quero envolver-te inteira
E renascer na fogueira
Que queima em teu interior...
E recomeçar,
E recomeçar,
E recomeçar o amor...

* * *
Conheça o livro de contos  "Caminhos" - de J.B. Xavier
http://www.submarino.com.br/books_productdetails.asp?Query=ProductPage&ProdTypeId=1&ProdId=225727&ST=SE

JB Xavier
Enviado por JB Xavier em 08/02/2005
Reeditado em 08/02/2005
Código do texto: T3711
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
JB Xavier
São Paulo - São Paulo - Brasil
1049 textos (178204 leituras)
50 áudios (18232 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 27/09/16 07:24)
JB Xavier

Site do Escritor