Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CANÇÃO DO IMIGRANTE

Ao meu pai, Massimo Antonio De Benedictis, que veio de Trecchina - Potenza - Itália e transformou-se num ítalo-brasileiro de envergadura...

Eu que vim de tão distante
Deixando a Pátria querida
Que sofria a todo o instante
D´uma saudade incontida...
Ao lembrar dos tantos entes
que viviam ao meu redor
Meus amigos, meus parentes
A tristeza era maior...
Com o tempo mais cicatrizes
Apareceram em meu peito
E logo novas raízes
Brotaram à torto e à direito...
E os anos foram passando
Os filhos foram nascendo
A nova Pátria fui amando
E os meus amores crescendo...
Já não sinto tantas dores
Ao pensar na minha terra
Que se confunde em amores
Que a nova Pátria encerra...
Ricardo De Benedictis
Enviado por Ricardo De Benedictis em 24/07/2005
Reeditado em 11/09/2005
Código do texto: T37225

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Ricardo De Benedictis
Vitória da Conquista - Bahia - Brasil, 77 anos
1214 textos (272306 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 11:46)
Ricardo De Benedictis