Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SONETO À NATUREZA



Noite, insônia e sombras...
Sons noturnos, cristalinos,
maravilhosos, puros e divinos.
Mas pela grandeza tudo se cala ...

Quando a mãe natureza fala
silêncio, nada há que encubras.
Os sons que emergem dos arbustos...
Dos chilreios dos pássaros em seus ninhos!

Dos rios em corredeiras sem parar.
Das cascatas a entoar seus cantos...
E a lua, a tudo cobrir com suave manto,

de luzes cintilantes, a noite encantar!
Nas folhas o reflexo prateado do luar.
Por entre as árvores murmura o vento...


Luis Carlos Mordegane
MORDEGANE
Enviado por MORDEGANE em 26/07/2005
Código do texto: T37772
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
MORDEGANE
São Bernardo do Campo - São Paulo - Brasil, 61 anos
69 textos (5654 leituras)
1 áudios (35 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 13:55)
MORDEGANE