Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Na corda que balança...

Na corda que balança
Das recordações que a vida tem
Tal uma viagem alucinante
O anjo que vem a mostrar
Delírios dissonantes além-mar
Daquilo que é verdade
E as máscaras da mentira
A pedra que vai estar no caminho
Enigmas para se solucionar
A corda sempre balançará
Como um relógio dentro da cartola
Até o raiar de um novo tempo
Sejam quais forem as agruras
Da sede dentro da água
Das seivas que tomam a aridez
O anjo a face expia
E de partida na nau escura
No canto do crejuá
Até mudar o brilho do olhar.


Sinais distintos para quem está sentado atrás da janela que se oculta.
O olhar quer ver a alegria!

Peixão89
Peixão
Enviado por Peixão em 28/07/2005
Código do texto: T38356
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Peixão
Santo André - São Paulo - Brasil, 57 anos
3231 textos (120252 leituras)
1 e-livros (241 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 05:55)
Peixão