Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto


Fogosa!

Rosa Pena 


Engole teu fogo
e não reclama.
Nunca será eterno,
não tem chama.
Nem posto.
Apenas desgosto.
Sem gosto.
Por toda tua vida?
Acorda atrevida!
Não digas mais nada.
Segue calada!
Que despedida?
Sempre estiveste na ida
nunca tiveste volta.
Engole teu fogo.
Alimentará a cinza,
de tua alma ranzinza.
Que fogosidade?
Olha tua carteira de identidade!

2004

“Que o amor não seja eterno posto que é chama, mas que seja infinito enquanto dure.”
Vinícius de Morais



Rosa Pena
Enviado por Rosa Pena em 09/02/2005
Reeditado em 09/10/2008
Código do texto: T3843
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre a autora
Rosa Pena
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
954 textos (1389896 leituras)
48 áudios (24755 audições)
33 e-livros (28798 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 26/09/16 02:21)
Rosa Pena

Site do Escritor