Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ciranda da Democracia

Mão à mão forma-se a roda
nessa ciranda que gira livre.
Em seu giro, giro também,
é alegria que a todos empolga,
trazendo o riso que não se contém.
 
E sigo cirandando num riso solto
de quem traz no rosto a vida que tem.
Na ciranda que a alma encanta,
vejo a vida brotando no olho
de quem um dia já chorou também.
 
Gira a ciranda na roda da vida,
abrindo espaço, contagiando o povo
que no ritmo desse compasso
entrega-se em dança e harmonia,
à democracia que ciranda de novo.
 
E a noite em festa na roda segue
ao som da vida que na ciranda renasce.
Vamos juntos de mãos dadas
em novo dia onde a vida acontece
girando luz em resplandecentes faces
 
Jundiaí, São Paulo, Brasil, 30/07/2005

***

http://www.poemar.com/AISHA.htm
http://acrampin.blog.uol.com.br
Aisha
Enviado por Aisha em 30/07/2005
Código do texto: T38875
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Aisha
Jundiaí - São Paulo - Brasil, 50 anos
791 textos (35176 leituras)
1 e-livros (57 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 17:32)
Aisha