Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ROMÂNTICO

Talvez eu seja um romântico sem cura
Perdido no cinismo deste mundo,
Capaz de um amar tão profundo,
Um sentimento que pra sempre dura.

Talvez por isso você não me queira,
Por eu ser assim, um tipo antiquado.
Eu acredito num amor apaixonado,
E só um... numa vida inteira.

Talvez você não consiga entender
Porque tanto amor e tanto querer;
O amor é assim, não tem explicação,
Brota no peito e inunda o coração.

Quando eu não estiver mais aqui
E você de mim nem se lembrar,
Talvez alguém inda possa falar
Do quanto te amei, do quanto sofri.

Porque amar é um eterno sofrer
Quando se dá amor sem receber.
E quando um dia me vier a morte,
Um epitáfio descreva a minha sorte:

"Este foi um homem de vida singela,
Não teve grandes feitos nem vitória,
No entanto, foi para ele a maior glória
Ter alguns momentos ao lado dela."

-------------------------------------------

Meus agradecimentos à poetisa Milena Medeiros:

Ah... os românticos...
esquecem de dizer
em gestos e palavras
à amada
o quando a amam...
e se vão
solitariamente
seu caminho
sempre querendo
o amor de alguém
Que pensara ter encantado!

-------------------------------------------

Meus agradecimentos à poetisa Sonia Maria:

Conhecendo a alma,nada mais há para conhecer...
Nós que sabemos amar nesse mundo insano,profano,
Não escapamos dos "ais"e das lágrimas verter...
Ainda assim,ainda que loucura possa parecer,
Eu escolho amar um amor real,sincero,
Que sai da alma e permeia o ser...
Quem nunca experimentou um amor verdadeiro,
Romântico, jamais saberá realmente o que é prazer...

Marcos Mollica
Enviado por Marcos Mollica em 31/10/2012
Reeditado em 13/02/2017
Código do texto: T3962215
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Marcos Mollica
Pindamonhangaba - São Paulo - Brasil
60 textos (14205 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/11/17 07:44)