Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O FOGO VIVO

Dorme o pensamento
nos desdobramentos do ser.
A irônica reflexão
é o centro do mundo,
os subterrâneos do real:
dualidade de ter e de não ter,
a possessa ilusão do amar.

Quando o verbo balbucia,
difícil é o parar pra refletir.
Ficam impressões noturnas,
os sonâmbulos desejos da posse.

– Amada, antes que queime o corpo,
passa-me o bronzeador!
Nem tão perto das chaves
nem tão morto,
porque esconderijos
não queimam a olhos nus.

Dante Alighieri queimará
por todo o sempre
no fogo do pensamento.
E o amar bate verdades.
Anjos, arcanjos rebatem
os esconderijos do medo.

Do livro OVO DE COLOMBO. Porto Alegre: Alcance, 2005, p. 54.
Joaquim Moncks
Enviado por Joaquim Moncks em 05/08/2005
Reeditado em 21/10/2006
Código do texto: T40494
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Joaquim Moncks). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Joaquim Moncks
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 70 anos
2581 textos (709789 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 16:50)
Joaquim Moncks