Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PRUDÊNCIA



PRUDÊNCIA


Não fique a atirar pedras
para qualquer lugar sem olhar
pois uma delas pode bater e voltar
e vir a você machucar

Não permita, pois, que a pedra
atirada sem qualquer prudência
venha a lhe cegar um olho
para medir depois a conseqüência

Não fique a tirar conclusões
daquilo que os seus olhos mal vêem
o que você vê pode não ser o que pensa
assim como não pensa
o que o outro vê de você

Saiba comedir e pensar
use sua sabedoria e ciência
que nada se joga, nada se julga
para não cometer nenhuma imprudência


Célia Jardim
Célia Jardim
Enviado por Célia Jardim em 10/08/2005
Reeditado em 19/12/2011
Código do texto: T41667

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Célia Jardim
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil
1058 textos (43812 leituras)
19 áudios (1387 audições)
9 e-livros (765 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 17:06)
Célia Jardim