Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SENSUALIDADE





Lentamente toco teu corpo e
o desejo intensifica a cada momento
quando minhas mãos,
percorrendo e deslizando suavemente,
alcançam teus seios que me encantam...
Tua boca me enlouquece
Teu corpo vibra incansável a cada toque
numa cadência harmoniosa
Meus lábios navegam delirantes
em busca do teu ponto máximo,
os sussurros aumentam a cada carícia,
e clamas por ser mulher possuída,
amada, tocada, sugada até a alma.
Nesse delírio de encanto e sensibilidade,
vou ao encontro desse prazer,
invadindo tua alma, buscando o êxtase
que chegando aos poucos atinge o delírio total,
onde nada sinto, além do ato de te amar,
te fazendo mulher tão minha e desejada,
numa loucura que me entorpece os sentidos.
Lentamente sugando vou o teu néctar
que explode umidecendo minha boca
e nela sinto enfim o gosto do teu prazer.
Adormeço em ti e permaneço no
inebriar desse momento,
sentindo em sonhos e realidade,
o instante sublime onde tu és
a mulher amada de meus sonhos
e almejados desejos.
Me encanto a cada dia um pouco mais,
com o teu amor e tua entrega total à mim,
que busca o teu amor em cada amanhecer.

ZELISA CAMARGO
ZEL
Enviado por ZEL em 01/12/2004
Código do texto: T426
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
ZEL
Aparecida de Goiânia - Goiás - Brasil, 69 anos
311 textos (33905 leituras)
8 e-livros (802 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 26/09/16 02:21)
ZEL