Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Tudo tem seu preço

Talvez eu não devesse, criar versos que escrevo.
Talvez ninguém os lesse, mas mesmo assim me atrevo...
Em versos eu confesso, pecados que cometo.
Em versos eu reclamo o tudo que recebo:

O mal que me acontece, eu sei que não desejo.
Em versos eu Te peço, o pouco que preciso.
O bem que eu tanto almejo, nem sempre me é sujeito,
Entre erros e acertos, há falhas no juízo.

Nem sempre eu reconheço o bem que me engrandece.
Nem sempre eu ofereço, o mal que me entristece.
Palavras pelo avesso, sei que ninguém merece.

Nas bênçãos e castigos, se ganho o que mereço,
Assim como Te peço, se tudo tem seu preço.
Como se fosse em prece; em versos, agradeço.

*         *         *
Marcelo Marques
Enviado por Marcelo Marques em 16/08/2005
Reeditado em 16/08/2005
Código do texto: T43082
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Marcelo Marques
São Paulo - São Paulo - Brasil, 44 anos
37 textos (1122 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 10:20)
Marcelo Marques