Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Primavera

Chegou a primavera, é vero !
Foi-se de vez o inverno,
a passarada está solta no céu,
meus sentimentos soltos ao léu.

Sinto a energia saindo do chão,
a terra inchada de tanto tesão;
os brotos e as flores logo virão
decorar o cerrado em pleno sertão.

Ó água puríssima da cachoeira,
abençoa o meu corpo na ribanceira,
quero passar terra vermelha na pele,
andar tranquilo sem ter quem me vele ...

... só a natureza, de imenso poder
que ora me nutre para todo o viver;
deitarei nos campos de relva macia
contemplando o cosmos de mente vazia.

No leito decorado com flor amarela
amarei a mulher da forma mais bela -
em nenhuma alcova o cenário é igual
assim tudo o mais se torna banal.

Brasília, 18 de agosto de 2005
Humberto DF
Enviado por Humberto DF em 19/08/2005
Reeditado em 06/12/2005
Código do texto: T43647
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Humberto DF
Brasília - Distrito Federal - Brasil
121 textos (23807 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 02:09)
Humberto DF