Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Poema 0054 - Penetrando amor



Posso te querer como quero,
enamorada, nada importa,
deixe que o tempo se vá,
quero silêncio em nossas loucuras.

Desnudas meu corpo por dentro,
vais sentir que não estás só,
descubras tua paixão em mim,
caminhamos juntos, até sonhamos.

Recuso-me a seguir sozinho,
não deixes que te enganes;
que aconteça o amor, deixa,
fala o proibido, grita sua paixão.

Posso mesmo te querer como quero,
tua mudez de palavras me faz inseguro,
tenho o corpo sem a alma,
quero apossar do amor, completo, puro.

Tenha-me entre teus desejos,
quando molhar teu corpo, desnude,
rasque as vestes, o passado,
deixe que te penetre fundo...

22/11/2004
Caio Lucas
Enviado por Caio Lucas em 15/02/2005
Código do texto: T4468
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Caio Lucas
São Paulo - São Paulo - Brasil, 68 anos
4429 textos (116244 leituras)
1 e-livros (166 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 06:54)
Caio Lucas