Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Aquarela

Rosa Pena


Resolvi colorir meus vestidos e tuas gravatas,
envolver em nós, todas as coisas que nos são gratas.
Esquecer o tempo e o espaço,
explodir em amor, negar o cansaço.

Resolvi colorir teu sapato,
queria mesmo livrar-me do sensato.
Vontade de pintar a rua
colorir a lua,
para ficares ciente,
que não sou ausente...
Sou tua.

Colorir de norte a sul
usar o verde, o amarelo, o azul,
gritar tudo que me clama!
Fazer nosso amor,
vermelho como chama.


2000


 gravura:kandinsky
Rosa Pena
Enviado por Rosa Pena em 26/08/2005
Reeditado em 03/10/2008
Código do texto: T45203
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre a autora
Rosa Pena
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
960 textos (1417342 leituras)
48 áudios (24765 audições)
33 e-livros (29000 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 17:50)
Rosa Pena

Site do Escritor