Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SOMBRAS DA VIDA

AS SOMBRAS DA VIDA,

PARECE QUE ME ACOMPANHAM,

QUANDO O SOL COMEÇA A BRILHAR,

EIS QUE SURGE NOVA FERIDA,

QUANDO VISLUMBRO NO HORIZONTE

UMA FINA LUZ DE ESPERANÇA,

PERCEBO A PESADA MÃO DO DESTINO

A BRINCAR, FEITO CRIANÇA,

E EM TRESLOUCADO DESATINO,

MEXE COM MEU VIVER, COM MEU SER,

AS IDÉIAS PASSAM, VOAM, BAILAM,

PARECE QUE NUNCA TEM FIM,

ESSE TÚNEL DENTRO DE MIM,

É PARAR NO TEMPO NOVAMENTE

VER, OUVIR, FALAR ...

PROCURAR UM JEITO, UMA SAÍDA,

PARA, NÃO SEI COMO, RECOMEÇAR,

TALVEZ NUM NOVO AMANHÃ

SEM AS SOMBRAS DA VIDA ...

05/01/04

Andrade Jorge

direitos autorais registrados
Fundação biblioteca Naciona

 
ANDRADE JORGE
Enviado por ANDRADE JORGE em 29/08/2005
Código do texto: T46054

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
ANDRADE JORGE
Jundiaí - São Paulo - Brasil
1027 textos (90002 leituras)
26 áudios (1819 audições)
2 e-livros (330 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 00:33)
ANDRADE JORGE