Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O poema e o poeta

 O poema  e o poeta

O poema não é meu o meu choro,
as palavras não são meu esconder.
O que este  despeja aos teus olhos,
é o que eu senti em ter você .

Junto a ti, nem consigo explicar,
o pensar desata-me de ti.
Desperta escrito o brilho do luar,
e o poema abre meu sentir.

Relutando a solidão da existência,
ele tenta tatuar seus olhos belos.
E caminhar pela sua consciência,
e apoderar-se de teus segredos e mistérios.

E no seu degustar destas palavras,
lembra-te de alguém que escreveu .
O escravo destas linhas cantadas;
é a lembrança que o poema já prendeu.

Torna-se triste o poema derrotado,
não foi ele próprio que se concebeu.
Foi o poeta...o outro solitário
pai e filho que o um amor lhes esqueceu.

 






Camper
Enviado por Camper em 31/08/2005
Reeditado em 13/05/2011
Código do texto: T46618
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Camper
Uberlândia - Minas Gerais - Brasil, 38 anos
70 textos (1949 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 00:11)
Camper