Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Eterno apogeu


Sufoca-me com teu zêlo
que saberei não cansar;
monta meu corpo em pêlo
e pode dele fazê-lo
o que o amor imaginar.

Cavalga no meu desejo
e segura-me forte no teu,
pois, no crepitar do ensejo,
mais que um mero lampejo,
almejo o eterno apogeu.






RSanchez 18/02/2005 19:40:21
PuraReflexao
Enviado por PuraReflexao em 19/02/2005
Código do texto: T4713
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
PuraReflexao
Campos do Jordão - São Paulo - Brasil, 62 anos
101 textos (15456 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 30/09/16 08:45)
PuraReflexao