Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Perguntas sem respostas


Será que poeta...
Tem tempo para amar?
É a pergunta que faço,
Quem souber, me responda.
Pois, a duvida me consome.
Porque sei, que os poetas.
Têm, no peito, um coração.
Que bate, descompassado.
Quando fala de amor,
Nas poesias que escreve.
Ele ama, ele sonha, tem ilusões.
Mas, onde fica o amor verdadeiro?
São perguntas, sem respostas.
Neste mundo, de poesias e fantasias.
Onde o poeta, ama, sonha e chora.
Sem que ninguém perceba, sua dor.


                                   Volnei Braga



Volnei Rijo Braga
Enviado por Volnei Rijo Braga em 03/09/2005
Código do texto: T47193
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Volnei Rijo Braga
Pelotas - Rio Grande do Sul - Brasil, 69 anos
2314 textos (147457 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 17:51)
Volnei Rijo Braga