Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Poema 0086 - Minhas sombras



Apagou meu amor no meio,
meu sorriso foi invadido,
minha sombra se dividiu em duas,
a paixão se perdeu no escuro,
estou morrendo a cada pedaço.

Fico parado no meio da vida,
não tenho mãos, lábios, nada,
o corpo está perdido sem toques,
não existe mais nenhum calor,
apenas sombras de nós dois.

A voz não faz eco no teu ouvido,
não sei explicar, não consigo te ouvir,
os contornos sumiram da lembrança,
todos os rostos, o corpo, a mulher,
sobraram sombras, apenas vultos do amor.

11/12/2004
Caio Lucas
Enviado por Caio Lucas em 19/02/2005
Código do texto: T4722
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Caio Lucas
São Paulo - São Paulo - Brasil, 68 anos
4429 textos (116248 leituras)
1 e-livros (166 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 10:33)
Caio Lucas