Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A Lucidez dos Loucos


O poeta é mais que louco,
tão lúcido em sua loucura
talvez porque o papel
venha da maravilhosa celulose
matéria prima dos verdes
todos os verdes das ramas...
Mas ele também faz versos
como os que sangram as seivas
como os que choram os orvalhos
como os que se esvaem em resinas...

Essa loucura tão linda,
na dimensão de seus sonhos,
nas asas da fantasia
nos meandros do imaginário
faz do poeta um demente
mas bem cheio de razões
(pois se permite delírios
na sua fala diferente)
 por ser sempre um emissário
de todos os deuses,das musas
e por usar, de repente
a celulose tão mágica
quanto a alquimia da natureza
em festa,sons, cores, luzes
em multiplicações
eternamente contínuas..
clevane pessoa de araújo lopes
Enviado por clevane pessoa de araújo lopes em 04/09/2005
Reeditado em 07/09/2005
Código do texto: T47587

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (autor e o link para o site "www.sitedoautor.net(Clevane pessoa de araújo lopes;(www.clevanepessoa.net/blog.php)). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
clevane pessoa de araújo lopes
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil, 69 anos
555 textos (176758 leituras)
21 e-livros (13424 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 11:50)
clevane pessoa de araújo lopes