Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Melancolia



A sombra de um simples sorriso
Leva-me a pensar num jardim
Bate-me então, de repente
Uma saudade de mim

Saudade do brilho incorpóreo
Reluzindo em meu olhar
Saudade da ingenuidade
Que me fazia sonhar

O tempo marcou em meus traços
Rude vinco da existência
A vida tão sem cuidado
Roubou-me a inocência

Aquele riso engraçado
Em minha garganta morreu
Meus lábios foram selados
Pela graça que perdeu

Guardo a lembrança da vida
Num tempo que vive a correr
Um espaço sem limite de partida
Uma brecha onde pude me esconder






Priscila de Loureiro Coelho
Enviado por Priscila de Loureiro Coelho em 05/09/2005
Código do texto: T47852
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Priscila de Loureiro Coelho
Jacareí - São Paulo - Brasil, 65 anos
1286 textos (215180 leituras)
1 e-livros (148 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 00:47)
Priscila de Loureiro Coelho