Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Despertar de um sonho...

Onde o sol brilha?

No vácuo de um sonho antigo.

E ao romper da aurora,

A realidade vêem,

Desvirginando a manhã.

E toma o lugar dos sonhos!

Triste despertar, no momento mais pleno, do sonhar.

Quimeras, provas, causas,

Sementes de ilusão.

Os sentidos vão se nublando,

No compasso da solidão!

Embalados por um trovador à tocar,

Melódicas notas ao vento.

E os ouvidos atentos,

Captam o além da mensagem ouvida.

Lêem as entrelinhas molhadas,

Pelo orvalho que a noite deixou.

E assim se elevam as almas,

Que apelam ao sol seu calor,

Para aquecerem as lágrimas,

Que a falta de um beijo deixou.

Renova a pergunta ao tempo,

Na ânsia de ouvir o lamento,

Dos versos colados aos lábios,

Que se recusam a saltar.

Pois, hoje, o sol não brilhou.

Se escondeu nos frios montes,

Onde o ciúme morou.

Observadora
Enviado por Observadora em 08/09/2005
Reeditado em 27/08/2006
Código do texto: T48785
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Observadora
Salvador - Bahia - Brasil, 50 anos
487 textos (27392 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 17:02)
Observadora