Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

VERSINHOS INOCENTES



Tudo na vida tem fim
Mas antes tem o começo
Não posso viver assim
Amando quem mal conheço


Quando te conheci
Eu me chamava felicidade
Agora que te perdi
Pode me chamar de saudade

Tão perto, mas distante
De ti estou neste momento
Não estás junto de mim
Mas não sais de meu pensamento


Como é difícil explicar que te amo
Como é difícil aceitar uma separação
Dever ser mais fácil contar as estrelas do céu
Do que eu ter teu coração


Tem certos dias na vida
Que não sei o que fazer
São nestes tristes dias
Que não consigo te esquecer


Quando a distância nos separa
Aumenta a minha saudade
E ficando a tua espera
Percebo que és minha felicidade

No céu uma andorinha
Voa livre ao vento
Enquanto tu, minha coisinha
Voas livre em meu pensamento.

Quando vi o teu retrato
Logo me apaixonei
Agora em meu quarto
Estão as lágrimas que chorei

Sem ti não posso viver
Sem ti só sei chorar
Nesta vida só sei te querer
Querer-te e te amar

Na tristeza daquele dia
Nasceu algo então
Tu eras a alegria
Que faltava em meu coração

Ouvindo o rádio neste instante
Penso em ti querido
Que fazer se estás distante
Deixando meu coração ferido


Denise

(Aos 13 anos)


Denise Severgnini
Enviado por Denise Severgnini em 08/09/2005
Código do texto: T48823

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, criar obras derivadas, desde que seja dado crédito ao autor original (Denise de Souza Severgnini http://www.denisesevergnini.recantodasletras.com.br) e as obras derivadas sejam compartilhadas pela mesma licença. Você não pode fazer uso comercial desta obra.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Denise Severgnini
Novo Hamburgo - Rio Grande do Sul - Brasil, 57 anos
11345 textos (916667 leituras)
16 áudios (8882 audições)
311 e-livros (34109 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 00:54)
Denise Severgnini