Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O FLETE CANSADO

A saudade do Pago
é um mimoso flete,
cansado!

O trotear longe do Pago
é corredor que não tem fim,
pavio que nunca apaga.

Ai de meu Pampa largo,
seus pirilampos emponchados
de invernos!

Milonga luzindo no pensamento
o mate amargo é gota de chuva
no sertão de tanta saudade.

Nesta trilha de soluços e trastes,
nem a viola nordestina consola.

– Do livro OVO DE COLOMBO. Porto Alegre, Alcance, 2005, p. 101.
http://www.recantodasletras.com.br/poesias/49129

– Este poema saiu no livro O OVO DE COLOMBO, Porto Alegre, Alcance, 2005, p. 101, com o título de SOLUÇOS E TRASTES; anotação de 12/04/2017. JM.
Joaquim Moncks
Enviado por Joaquim Moncks em 09/09/2005
Reeditado em 12/04/2017
Código do texto: T49129
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Joaquim Moncks). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Joaquim Moncks
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 70 anos
2742 textos (749443 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 26/07/17 19:47)
Joaquim Moncks